Pagina inicial

domingo, 22 de fevereiro de 2009

O uraguai


“Levo nos braços a infeliz Lindóia
O desgraçado irmão, que ao despertá-la
Eu ao
Os sinais do veneno, e vê ferido

Pelo dente sutil o brando peito.
Os olhos, em que amor reinava, um dia,
Cheios de morte; e muda aquela língua,
Que ao surdo vento e aos ecos tantas vezes
Contou a larga história de seus males.

Inda conserva o pálido semblante
Um não sei que de magoado e triste,
Que os corações mais duros enternecem.
Tanto era belo no seu rosto a morte!”
(Basílio da Gama)

1 comentário:

elsa nyny disse...

olá Paula!

Cá estou eu retribuindo a tua vistinha!
Gostei do ambiente por aqui!

Voltarei!

Tudo d ebom para ti!

Bjtssss

Enviar um comentário

Ocorreu um erro neste dispositivo